Três vítimas estão sendo veladas no CRM

Os corpos das quatro vítimas de acidente com helicóptero modelo Robinson R44, no município de Rosário, estão sendo velados na manhã desta segunda-feira (2) no Conselho Regional de Medicina e em uma igreja na Cohab.

Os corpos dos médicos Rodrigo Capobiango Braga, Jonas Elói da Luz e José Kléber Luz Araújo são velados na sede do Conselho Regional de Medicina do Maranhão (CRM), no Renascença. Já o piloto Alfredo Oliveira Barbosa Neto será velado em uma igreja no bairro da Cohab.

O Governo do Estado e a prefeitura de São Luís emitiram notas de pesar e solidariedade as famílias das vítimas da tragédia aérea registrada na tarde deste domingo de Páscoa (1°). “O Governo expressa seu pesar e profunda solidariedade aos familiares, amigos e pacientes que partilham a dor pela precoce partida das vítimas, que dedicaram parte de suas vidas aos cuidados com o próximo”, diz trecho da publicação.

Relembre o caso
O helicóptero, que saiu de Lima Campos e pousaria em Paço do Lumiar, caiu em uma área de matagal no povoado Nambuaçu de Cima, em Rosário. Por causa do mau tempo, a aeronave voava baixo e bateu em uma árvore.

Os corpos das vítimas foram retirados das ferragens do helicóptero pelo Corpo de Bombeiros e encaminhados para o Instituto Médico Legal (IML), em São Luís, e, depois, liberados para as famílias.

O helicóptero já havia passado por uma pane em outubro de 2011. Na ocasião, a aeronave saiu de São Luís com destino a Camocim (CE), com quatro pessoas, e teve que fazer um pouso de emergência em Luís Correia (PI).

Na pane registrada em 2011, o piloto Alfredo Oliveira Barbosa Neto, que morreu no acidente deste domingo, entrou em contato com o operador do aeroporto de Parnaíba (PI), solicitando permissão para aterrissar, mas acabou fazendo o pouso de emergência na Praia de Atalaia.

Relacionados

Comunidade da Forquilha realiza 69º festejo em hon... Comunidade da Forquilha realiza 69º festejo em honra a Nossa Senhora das Graças. Veja programação A Paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, po...
Uso abusivo de whatsapp pode levar a indenização e... Uso abusivo de whatsapp pode levar a penalidades como indenização e até prisão, alerta advogada Entre as plataformas de comunicação digital, o wha...
Homem é agredido após suspeita de ter ejaculado em... Homem é agredido após suspeita de ter ejaculado em mulher Um homem foi espancado após a suspeita de ter se masturbado e ejaculado em uma passageir...