Repórter lançará livro sobre facções criminosas e ‘vida loka’ no Maranhão

Será lançado, no próximo dia 2 de junho, na Livraria e Espaço Cultural AMEI, no São Luís Shopping, na capital maranhense, o livro “Guerra urbana – o homem vida loka”, o segundo de uma quadrilogia do jornalista Nelson Melo. A obra discorre sobre o surgimento das facções criminosas no Maranhão, fato ocorrido em 2013, citando a mudança nesse cenário, com a desintegração e criação de outros grupos do crime organizado urbano.

O livro, de acordo com o autor, é o resultado de uma extensa pesquisa feita pelo repórter, cuja experiência no jornalismo policial possibilitou que a obra pudesse ser escrita, a partir da análise antropológica da realidade violenta no Maranhão, onde quatro facções criminosas disputam territórios e formaram alianças. Nelson Melo descreve como essas organizações delinquentes surgiram no Estado e por que houve a mudança no panorama urbano, com a “morte” e surgimento de alguns grupos.

A análise de Melo é baseada na vida loka, conduta delinquente que o jornalista define como um comportamento desviante em relação à estrutura histórica de consolidação da esfera estatal enquanto pilar da civilização. O repórter conversou direta e indiretamente com faccionados ou simpatizantes durante as pautas jornalísticas, o que resultou na obra “Guerra urbana – o homem vida loka”, o segundo da quadrilogia que começou com “Guerra urbana – morrendo pela vida loka”, lançado em março de 2017 na Ufma, Campus do Bacanga.

Segundo o repórter policial, o livro será lançado a partir das 19h30 do dia 2 de junho. Cabe ressaltar que a obra foi prefaciada pelo também escritor Antonio Noberto, membro-fundador e atual presidente da Academia Ludovicense de Letras (ALL).

Sobre o autor: Nelson Melo nasceu em Santa Rita/MA. Bacharel em Comunicação Social, atualmente é pós-graduando em Perícia Criminal. Trabalha como repórter policial há quase cinco anos e possui vários artigos publicados em jornais que circulam no Maranhão, sempre sobre o tema da guerra urbana entre facções criminosas, abrangendo aspectos como gangues, sistema carcerário, violência urbana, Criminalística, Direito Penal, educação familiar e escolar, polícia comunitária etc.

Nelson também é palestrante, sendo que palestrou em instituições como Academia de Polícia Militar Gonçalves Dias (APMGD), Liceu Maranhense, Ufma, Livraria AMEI, Centro de Ensino Sagarana, Convento das Mercês e Academia de Polícia Civil do Maranhão (Acadepol). O escritor é, ainda, desenhista e revisor ortográfico de livros e trabalhos acadêmicos.

Relacionados

Professores farão passeata contra perda de direito... Movimento foi convocado pelo MO.VA.SE Progressão salarial é uma das das reivindicações Professores e profissionais da rede municipal de ensino em ...
Adolescente confessa participação na execução de e... Adolescente confessa participação na execução de eletricistas da Cemar em São Luís Um adolescente foi apreendido pela Polícia Militar na tarde des...
Redução de ocorrências a bancos reflete eficiência... Redução de ocorrências a bancos reflete eficiência de ações da Segurança Pública Diminuíram em 18,6% os registros contra agências bancárias no Mar...