Justiça determinou que sindicato coloque pelo menos 60% da frota nas ruas na segunda-feira (5)

A Justiça decretou que 60% da frota de ônibus do sistema de transporte público de São Luís na segunda-feira (5). A decisão foi tomada depois da ameaça de greve anunciada pelo Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários no Estado do Maranhão.

A ação é referente à Ação Declaratória com pedido Liminar de Tutela Provisória de Urgência ajuizada pelo Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros de São Luís (SET).

O sindicato dos rodoviários pede 13% de reajuste salarial, ticket alimentação de R$ 650 e a manutenção de outras cláusulas eu compõe a convenção coletiva de trabalho. De acordo com o presidente do sindicato, Isaías Castelo Branco, os empresários ofereceram apenas 2,5%.

Prefeitura descarta aumento

O indicativo de greve fez com que surgissem, mais uma vez, suposições apontando para um possível aumento do valor das tarifas dos ônibus.

A prefeitura de São Luís chegou a descartar o reajuste, contudo, vale lembrar que a passagem do transporte urbano deve ser reajustada a partir do dia 22 de julho como consta no contrato de licitação 017/2016 (Veja foto abaixo).

Em quase quatro anos de governo, o prefeito Edivaldo Júnior aumentou três vezes a passagem de ônibus.

Cronologia dos aumentos

O primeiro reajuste no preço das tarifas de ônibus ocorreu em junho de 2014, após 16 dias de greve dos rodoviários. Na ocasião, o reajuste foi de 23% (R$ 0,30) em todas as tarifas. Foi extinta a “domingueira”, desconto de 50% aos domingos, e ficou acordada a compra de 250 ônibus novos.

O segundo aumento aconteceu em março de 2015, quando houve reajuste de 16% nas tarifas. O valor da tarifa cobrada na maioria dos coletivos ficou assim: de R$ 2,40 para R$ 2,80, enquanto as mais baratas passarão de R$ 1,90 para R$ 2,20 e R$ 1,60 para R$ 1,90.

Já o último aumento ocorreu em março deste ano quando as passagens tiveram os seguintes aumentos: de R$ 1,90 para R$ 2,20 (nível 2); de R$ 2,20 para R$ 2,50 (nível 3); e de R$ 2,60 para R$ 2,90 (nível 4). Nas linhas semiurbanas integradas o valor da passagem passa para R$ 2,90 e o Expresso Metropolitano para R$ 3,10.

Relacionados

Obras de urbanização do novo prolongamento da Aven... Obras de ampliação da Litorânea está dividida em três trechos, sendo o primeiro com finalização prevista para seis meses (Foto: Karlos Geromy) Mel...
Mais de 650 presos são beneficiados com Saída Temp... Presos começaram a ser liberados para a saída temporária a partir das 9h, dessa quarta-feira (10), nas unidades prisionais do Maranhão. A Justiça ...
Vereador Francisco Chaguinhas declara apoio a Bols... Vereador Francisco Chaguinhas declara apoio a Bolsonaro O vereador de São Luís, Francisco Chaguinhas (PP), declarou apoio ao candidato Jair Bolson...