Date: 9 de julho de 2019

Clínica Salud promove evento gratuito para discutir a autoestima na maternidade

A autoestima é uma questão muito delicada na vida das pessoas. Quando estamos com a autoestima lá em cima ficamos alegres e de bem com a vida. No entanto, na falta dela, tudo tende para o lado oposto às coisas boas. E isso fica ainda mais complicado quando tratamos de mulheres na maternidade, uma vez que elas doam grande parte de seu tempo aos filhos e acabam esquecendo de si mesmas ou enfrentando um mercado de trabalho que consome muito tempo, inclusive com atividades extra escritório e interferem no tempo com as crianças.

Preocupada com essa questão, a Clínica Médica Salud vai promover gratuitamente um bate papo sobre “A Importância da Autoestima na Maternidade” com o auxílio das psicólogas Carine Vele, Maria Luci Rizzi e Alexandra Pinto, que fazem parte da  clínica de multiespecialidades. O bate papo acontece nesta quarta-feira, 10 de julho,  às 15:30h, na Av. Grande Oriente, Renascença.

“O que a gente percebe é que além de questões com o corpo, existem os modelos do que é ‘ser uma boa mãe’, seja em relação ao tipo de parto, amamentação, forma de educar, entre outras regras, e o quanto isso tem minado a confiança das mulheres e, consequentemente, afetado sua autoestima. O resultado costuma ser o aumento da ansiedade e das inseguranças, gerando dificuldade em vivenciar a maternidade em sua plenitude. Por isso, promovemos esse bate-papo para que mulheres possam dividir suas inseguranças e ter especialistas para ajudá-las”, explica Ana Paula Duarte.

O evento, que será um momento de bem-estar e descontração para as mamães, ainda conta com a presença das digitais influencers Amanda Lícia e De Cavalcante. Vale ressaltar que o evento é gratuito e possui vagas limitadas.

Para mais informações ligue no (98) 3268 3131.

Cruzeiro São Luís vai em busca do título Brasileiro

A delegação do Cruzeiro São Luís viaja rumo à Recife-PE, para a disputa do Campeonato Brasileiro Fut7 Society. A equipe maranhense leva para a capital pernambucana um grupo de 70 atletas e seis treinadores, preparadores de goleiros e auxiliares. A competição tem início dia 11 e finaliza no próximo domingo (14).

São seis categorias de base que vão disputar o Brasileiro: sub-7, sub-9, sub 11, sub-12, sub 13 e sub-15. “Vamos competir em seis categorias e por isso estamos levando uma grande delegação, sempre de olho no principal objetivo: conquistar títulos. Queremos retornar de Recife com taças e medalhas na bagagem”, revelou Pedro Brito, diretor de esportes e treinador do Cruzeiro São Luís.

O Cruzeiro São Luís só não vai disputar a categoria sub-17, mas estará em todas as outras seis categorias. “Nosso projeto é chegar até a categoria sub-17, mas para isso estamos fechando parcerias com cronogramas específicos de competições, pois é um projeto que está em andamento, mas vamos pensá-lo quando retornarmos do Brasileiro”, garantiu Pedro.

Para as competições que disputa, os treinadores realizam estudo técnico para traçar cronogramas específicos de treinamento e preparação física dos atletas. A exemplo desta edição do Campeonato Brasileiro, onde tem poucas datas e muitos jogos. “Como serão quatro dias de competição, os nossos atletas vão jogar pela manhã e tarde. Desta forma traçamos um planejamento com toda a comissão técnica com dias alternados de preparação física, tática e técnica, assim como alternância de horários, pela manhã e tarde, sempre com amistosos semanais”, disse Jânio Silva, coordenador de esportes e treinador do Cruzeiro São Luís.

No mês de abril deste, o Cruzeiro São Luís disputou a Go Cup, na cidade de Aparecida de Goiânia, a maior competição de base do mundo, onde 16 países participaram desta edição.

Quando retornarem de Recife, os pequenos atletas não vão ter descanso, pois a categoria sub-12 e sub-13 já tem calendário de jogos pelo Campeonato Maranhense Fut7, que inicia na segunda quinzena de julho.

© 2019 Blog do Michel Sousa

Blog desenvolvido por: Bruno AlvesUp ↑