Month: janeiro 2019 (page 1 of 2)

Colisão de van e caminhão deixa vários mortos entre Morros e Humberto de Campos

Van ficou destruída após colidir com caminhão na BR-402, nesta quinta-feira (31)

Pelo menos cinco pessoas morreram e outras nove ficaram feridas em um acidente entre uma van e um caminhão na BR-402, entre Morros e Humberto de Campos, na tarde desta quinta-feira (31). Ambos os veículos ficaram destruídos e vários passageiros ficaram presos nas ferragens.

Segundo testemunhas, houve uma colisão frontal entre os veículos. Na van, 13 pessoas da viajavam de São Luís  para Humberto de Campos. No caminhão havia apenas o motorista. Cinco pessoas que estavam na van ficaram presas às ferragens e foram retiradas com vida por motoristas que passavam pelo local. Ambos os veículos ficaram completamente destruídos.

Nove das vítimas resgatadas foram levadas para a Hospital Regional de Morros, entre elas três crianças. Duas viaturas do Corpo de Bombeiros estiveram no local para fazer o resgate. Uma unidade do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) também foi empenhada para a ação.

A Polícia Rodoviária Federal informou que existem vestigios de que o acidente ocorreu quando o motorista da van tentou ultrapassar e supostamente estaria embriagado.

Marcial Lima propõe transparência na aplicação do dinheiro arrecadado com as multas de trânsito em São Luís

Marcial Lima propõe transparência na aplicação do dinheiro arrecadado com as multas de trânsito em São Luís

O vereador Marcial Lima, do PRTB, protocolou na Câmara Municipal de São Luís um projeto de lei propondo que a prefeitura publique os valores arrecadados com a aplicação de multas de trânsito e também como esses valores são gastos.

Em semáforos, avenidas de grande movimento ou próximo a faixas de pedestres, vários pontos de São Luís dispõem de radares para monitorar o trânsito e aplicar multas em motoristas infratores. Além disso, há as punições aplicadas pelos agentes de trânsito, de infrações como estacionamento irregular e falta de documentos obrigatórios. São dezenas de artigos da legislação de trânsito que rendem por ano milhares de multas na capital, mas a população não sabe como todo esse dinheiro é utilizado.

“O correto é que haja transparência na arrecadação e uso desses recursos, que todos os gastos sejam registrados no portal da transparência, para que todos os cidadãos possam saber como eles estão sendo utilizados”, explica Marcial.

O vereador esclarece ainda que a cidade precisa de várias melhorias no trânsito e que esses recursos deveriam ser aplicados nessas benfeitorias. “Por todo o município há paradas de ônibus sem abrigos, ruas cheias de buracos, faixas de pedestres apagadas ou inexistentes, em locais onde deveriam ser utilizadas. Também não há passarelas para a travessia de pedestres em avenidas de trânsito intenso. Enfim, há uma infinidade de carências na área de trânsito por falta de investimentos, e esses recursos arrecadados com as multas poderiam ser empregados nessas melhorias, para o bem de toda a população”, defende Marcial Lima.

Homossexual é esquartejado em Presidente Médici

Ildivan Silva Farias foi achado esquartejado dentro de um saco de nylon em um açude em Presidente Médici

Um assassinato brutal chocou a população da cidade de Presidente Médici. O corpo de Ildivan Silva Farias, que era homossexual, foi achado esquartejado dentro de um saco de nylon em um açude, na zona rural da cidade, nesta terça-feira (29). Até agora a cabeça da vítima não havia sido encontrada.

O caso está sendo investigado pela Delegacia de Santa Luzia do Paruá, que informou já ter identificado o suspeito deste crime bárbaro. Segundo a polícia, a vítima foi vista pela última vez, no dia 25 de janeiro, em um bar na companhia de um homem identificado como Válber Bezerra.

A vítima foi morta e esquartejada e os pedaços foram colocados dentro de um saco de nylon junto com pedras para que o corpo não boiasse após ser jogado dentro do açude. A cabeça de Ildivan não foi encontrada.

A polícia ainda não sabe a motivação do crime, mas informou que o pedido de prisão já foi solicitado para a Justiça. Os restos mortais da vítima foram trazidos para o Instituto Médico Legal (IML) para ser autopsiado e o resultado dos exames periciais serão anexados ao processo.

O celular da vítima foi encontrado enterrado em uma área de matagal, próximo a cidade de Centro do Guilherme. Os policiais chegaram ao equipamento após rastrear o sinal do aparelho.

Operação na Vila Conceição deixa oito mortos

Confronto com a polícia deixa oito mortos na Vila Conceição

Oito suspeitos morreram durante operação da Polícia Civil na Vila Conceição, na tarde desta quinta-feira (24). Os nomes dos mortos ainda não foram divulgados, mas seriam pessoas envolvidas com facções criminosas, segundo a polícia.

A operação foi realizada por causa de conflitos entre facções criminosas e tiroteios na região, além de apurar a veracidade de um vídeo divulgado nas redes sociais onde possíveis membros de facções afirmam possuir armas suficientes para confrontar outras facções ou mesmo a polícia.

O superintendente de combate ao narcotráfico, Breno Galdino, informou que todas as mortes ocorreram em confronto com a polícia, que ainda busca armas e pessoas envolvidas em crimes na região.

“Apreendemos na operação duas pistolas, revólver .38 e duas espingardas. Esse é o balanço parcial. Também apreendemos maconha e carregadores dessas armas”, disse Breno Galdino.

Professores ocupam prédio da Secretaria de Educação de Paço do Lumiar

Professores ocupam prédio da Semed em Paço do Lumiar

Professores de Paço do Lumiar ocuparam a sede da Secretaria Municipal de Educação durante 3h nesta quarta-feira (23). A ocupação foi resultado da recusa do secretário Paulo Roberto em receber os educadores e atender a pauta de reivindicação da categoria.

Os profissionais de educação fizeram uma passeata com cartazes e carros de som em direção a Semed de Paço do Lumiar em protesto contra o ‘pacote de maldades’ divulgado esta semana pelo secretário. Além disso, aproveitaram o movimento para exigir direitos previsto em lei como reajuste 4,17% do Fundeb e aa progressões salarias.

Educadores querem o fim do pacote de maldades e outros direitos

A categoria deseja ainda a legalização das 30 horas, conquistada em 2018 e revogada pelo atual secretário Paulo Roberto, pela manutenção da hora-aula de 50 minutos, um calendário de pagamento para todos os profissionais da educação e um novo estatuto do educador luminense.

Segundo um dos organizadores da manifestação, o secretário alegou que não foi informado sobre nenhuma reivindicação da categoria e mesmo após ver o documento protocolado em dezembro se recusou em ouvir os professores.

“Ele (secretário Paulo Roberto) se recusou a nos receber, porque não havia recebido a pauta de reivindicação antes. Mostramos a ele que foi protocolado em dezembro e mesmo assim disse que não vai ter diálogo. O mais absurdo foi ter nos acusado de intransigência e dizer que não reconhece o movimento, pois educadores não vão pra rua protestar. Vamos ocupar o prédio até que sejamos recebidos por ele” afirmou um dos representantes do Movimento de Valorização dos Servidores da Educação de Paço do Lumiar (MO.VA.SE), Wagner Aquino.

Documento mostra que pauta de reivindicação foi protocolada em dezembro

O Blog do Michel Sousa entrou em contato com a organização do movimento e foi informado que, por volta das12h30, a Semed voltou atrás e os professores conseguiram marcar uma reunião para esta sexta-feira (25), onde serão discutidos os termos da pauta de reivindicação da categoria.

Atualizada às 15h30

Bandidos explodem caixas eletrônicos no Calhau

Bandidos arrombaram caixas eletrônicos no Calhau

Criminosos explodiram dois caixas eletrônicos do Banco do Brasil, na Avenida dos Holandeses, no Calhau – próximo a AABB.

A explosão aconteceu na madrugada desta quarta-feira (23) e deixou destroços por toda parte. Além disso, os caixas eletrônicos também ficaram completamente destruídos e algumas cédulas foram deixadas pelos criminosos após a explosão.

A ação criminosa aconteceu por volta das 3h. Os bandidos fugiram logo após o crime e ainda não foram reconhecidos pela polícia.

As equipes da técnica e da segurança do Banco do Brasil já foram acionadas e área da agência já foi isolada.

Professores farão passeata contra perda de direitos trabalhistas em Paço do Lumiar

Movimento foi convocado pelo MO.VA.SE Progressão salarial é uma das das reivindicações

Professores e profissionais da rede municipal de ensino em Paço do Lumiar farão uma passeata, na manhã desta quarta-feira (23), em protesto pelo reajuste 4,17% do Fundeb, legalização das 30 horas, pela manutenção da hora-aula de 50 minutos, pelas progressões salariais (títulos de especialização, mestrado e doutorado, que são colocados para ganhar as gratificações por titulação), um calendário de pagamento para todos os profissionais da educação e um novo estatuto do educador luminense.

O grupo se reunirá a partir das 8 horas, em frente ao Farol da Educação do Maiobão, com faixas e cartazes, além de carros de som. De lá, os manifestantes caminham em direção ao prédio da Semed, que fica na Avenida 13, próximo ao Viva Maiobão.

Um dos representantes do Movimento de Valorização dos Servidores da Educação de Paço do Lumiar (MO.VA.SE), Peterson Miranda, conta que a manifestação é resultado da falta de diálogo com a categoria e da ausência de bom senso por parte da Secretaria de Educação.

“Em 2018, o então secretário Fábio Rondon entrou em acordo com a categoria e reduziu a jornada para 30 horas. No entanto, não legalizou através de decreto. Com o novo Secretário, Paulo Roberto, essa possibilidade ficou afastada e os professores correm o risco de ter a carga horária de 40 horas, sem receber o salário por essa carga horária. Um absurdo! Por isso, a manifestação”, afirmou o professor de história.

Diego Pereira, professor de ciências e integrante do movimento, diz que a passeata dos profissionais da educação é a única alternativa que os trabalhadores encontraram para chamar a atenção da administração municipal. “Tentamos negociar com a prefeitura, mas infelizmente não houve outro meio senão a manifestação”, afirma.

O Blog do Michel Sousa entrou em contato com a Secretaria Municipal de Educação de Paço do Lumiar que enviou a seguinte nota:

“Com relação às reivindicações dos professores, a Prefeitura de Paço do Lumiar, por meio da Secretaria Municipal de Educação, informa: 1. A lei do reajuste: será encaminhada à Câmara Municipal; 2. Legalização das 30 horas: ainda não está consolidada a discussão; 3. A hora-aula continua 50 minutos, porém o professor precisa complementar em sala de aula os 10 minutos de cada hora, conforme resolução do CAOP – Educação, da Procuradoria Geral de Justiça; 4. Progressões: Foi montada uma comissão para apresentar o estudo e o impacto financeiro para o Município”.

 

Saiba mais sobre carga horária dos professores

Para efeito do que diz a lei, as variações na forma de contratação nas redes ou sistemas de ensino e as variações da organização curricular ou dos tempos e espaços escolares são levados em conta de modo que a realidade local não seja distorcida e que seja obedecida a proporcionalidade com a regra geral, explicitada no parágrafo anterior. De um modo ou de outro, o que importa é considerar que cada professor é contratado para trabalhar um determinado número de horas, independentemente da forma como o sistema ou rede de ensino se organiza para atender às necessidades de seus alunos.

De acordo com a legislação, portanto, a jornada de trabalho de 40 horas semanais deve ser composta da seguinte forma, independente do tempo de duração de cada aula, definido pelos sistemas ou redes de ensino: Duração total da jornada de 40 horas semanais, Interação com estudantes deno máximo 2/3 da jornada e atividades extraclasse no mínimo 1/3 da jornada.

Logo, para cumprimento do disposto no § 4º do art. 2º da Lei nº 11.738/2008, não se pode fazer uma grande operação matemática para multiplicar as jornadas por minutos e depois distribuí-los por aulas, aumentando as aulas das jornadas de trabalho, mas apenas e tão somente destacar das jornadas previstas nas leis dos entes federados, 1/3 (um terço) de cada carga horária. Nesse sentido a lei não dá margem a outras interpretações. Dito de outra forma: independentemente do número de aulas que os alunos obterão durante um período de 40 horas semanais, a Lei nº 11.738/2008 se aplica a cada professor individualmente. Por exemplo, numa jornada de 40 horas semanais, o professor realizará 26,66 horas de atividades com educandos e 13,33 horas de atividades extraclasse.

Para ver a integra do documento clique aqui

Adolescente confessa participação na execução de eletricistas da Cemar

Adolescente confessa participação na execução de eletricistas da Cemar em São Luís

Um adolescente foi apreendido pela Polícia Militar na tarde desta quinta-feira (17). Ele é apontado como suspeito de participação no assassinato de dois terceirizados na Companhia Energética do Maranhão (Cemar), na última terça (15).

Segundo a polícia, o adolescente passou a tarde prestando depoimento e teria confessado participação no crime. Porém, a polícia ainda trabalha com a possibilidade de participação de outras pessoas nas execuções.

João Vitor Melo e Francivaldo Carvalho Silva foram mortos após realizarem cortes de energia na região do Sítio Natureza, em Paço do Lumiar, região metropolitana de São Luís.

Relembre

Dois funcionários da Consócio Norte, que presta serviço a Companhia Energética do Maranhão (CEMAR), foram mortos, enquanto religavam o sistema de energia elétrica de uma propriedade, nessa terça-feira (15), no bairro Sítio Natureza, em Paço do Lumiar. De acordo com testemunhas, um homem teve a energia cortada e estavam no local para fazer o religamento do sistema em outra rua.

Redução de ocorrências a bancos reflete eficiência de ações da Segurança Pública

Redução de ocorrências a bancos reflete eficiência de ações da Segurança Pública

Diminuíram em 18,6% os registros contra agências bancárias no Maranhão, comparando os dois últimos anos. Dados da Secretaria de Estado de Segurança Pública (SSP-MA) apontam 43 casos em 2017, número que reduziu para 35 no ano seguinte. A queda neste tipo de criminalidade é reflexo de operações mais direcionadas colocadas em prática pela gestão, que levaram também à retração da criminalidade.

No conjunto de casos houve redução também dos assaltos com utilização de explosivo. A modalidade tem na alta violência sua principal característica. Para controle deste tipo de assalto, a Segurança Pública desenvolveu ações com foco na identificação dos líderes das quadrilhas especializadas e forte monitoramento em regiões mais propícias a ataques.

Segundo as estatísticas da secretaria, em 2017 foram registradas 12 ocorrências desta forma de crime, contra 10 no ano passado – reduzindo em 16,6%. O trabalho policial se fortalece com os investimentos do Governo do Estado e ação conjunta das forças de segurança com fins ao controle das diversas formas de criminalidade, pontua o titular da Departamento de Combate ao Roubo de Instituições Financeiras (Dcrif), delegado Luciano. “As investidas às instituições financeiras estão na lista de crimes que, pela possibilidade de gerar altas quantias ao crime, tende a ser um ato das quadrilhas. Mas, a polícia está preparada e organizada para o combate e prevenção”, reforça o delegado.

A estatística aponta ainda dados de outras modalidades contra agências bancárias, como os assaltos conhecidos como ‘vapor’ (grupos fortemente armados rendem todos da agência e após o roubo, fogem do local com rapidez) e ‘sapatinho’ (Agir na surdina sem despertar grandes suspeitas); roubo e furto sem explosivo; ação com uso de maçarico e ataques a carros fortes. O Dcrif é órgão subordinado à Superintendência Estadual de Investigações Criminais (Seic), da Polícia Civil.

Operações

No conjunto de medidas da SSP-MA na prevenção e combate dos registros contra agências bancárias está a operação ‘Maranhão Mais Seguro’, que monitora as agências bancárias, com prioridade às regiões mais vulneráveis, nos dias de pagamento e de maior movimentação. A operação envolve a Polícia Civil com efetivo da Seic, da Polícia Militar com equipes do Centro Tático Aéreo (CTA) e da Companhia de Operações de Sobrevivência em Área Rural do Maranhão (Cosar).

O grupamento treinado e especializado para impedir estas ocorrências tem atuação em municípios do interior do Estado. Complementam ainda as medidas da Segurança Pública o trabalho integrado com as polícias dos estados vizinhos, que possibilita a troca de informação e identificação em tempo recorde das quadrilhas. Como resultado das operações do setor, foram presos e indiciados mais de 200 assaltantes de banco em 2017, incluindo líderes de quadrilhas interestaduais.

Criminosos arrombam caixa eletrônico em São Luís

Criminosos utilizaram um maçarico para retirar o dinheiro que estava em um dos caixas eletrônicos

Criminosos arrombaram uma agência do Banco do Brasil, na madrugada desta quinta-feira (17), no bairro Alemanha, em São Luís. Os bandidos, ainda não identificados, utilizaram um maçarico e retiraram uma parte do dinheiro que estava em um dos caixas eletrônicos. O crime aconteceu por voltas das 4h.

 

Os criminosos ainda tentaram arrombar outros caixas eletrônicos, mas foram surpreendidos pelos vigilantes e acabaram fugindo. Até o momento ninguém foi preso e o banco ainda não divulgou o montante levado pelos criminosos.

Até a publicação desta matéria, nenhum dos envolvidos havia sido preso.

Older posts

© 2019 Blog do Michel Sousa

Blog desenvolvido por: Bruno AlvesUp ↑