Paciente de 55 anos veio de Santa Rita para cirurgia no Hospital de Traumatologia e Ortopedia

A primeira cirurgia de reconstrução e alongamento de ossos foi realizada com sucesso no Hospital de Traumatologia e Ortopedia do Maranhão. A paciente, de 55 anos, é do município de Santa Rita, a 81 quilômetros de São Luís (MA).

Inaugurado no último dia 10 de outubro pelo governador Flávio Dino, o novo equipamento da Secretaria de Estado da Saúde (SES) já é referência no atendimento de média e alta complexidade no setor de ortopedia e traumatologia, atendendo a pacientes da Grande Ilha e também do interior do estado.

O secretário de Estado da Saúde, Carlos Lula, ressaltou que os investimentos no Hospital de Traumatologia e Ortopedia do Maranhão favorecem o acesso da população a tratamentos especializados. “Hoje, a população maranhense tem a oportunidade de realizar essa cirurgia, em uma unidade de saúde da rede estadual com equipe médica especializada e estrutura adequada”, disse o secretário Carlos Lula.

Segundo o cirurgião Damião Guedes Castro, especialista em traumatologia e ortopedia, a cirurgia é indicada para pacientes que tem dismetrias dos membros inferiores ou por motivo de acidente perderam segmento ósseo, como foi o caso de da lavradora Dionata de Sousa que teve perda de segmento ósseo após sofrer um acidente.

“Normalmente é uma cirurgia indicada para pacientes que tem dismetrias dos membros inferiores (uma perna maior que a outra) ou que por motivo de acidente venha a perder segmento ósseo, como foi o caso da dona Dionata. Ela teve uma pequena perda óssea causada pela absorção da pseudoartrose (complicação apresentada durante o processo de consolidação da fratura de um osso)”, explicou o médico.

A lavradora Dionata de Sousa voltava para casa quando encontrou uma vaca no meio da estrada e acabou sendo pisoteada pelo animal. Ela sofreu uma fratura exposta na perna. Por conta disso, a trabalhadora, que ajudava no sustento da família, teve que parar de trabalhar. A cirurgia foi realizada nesta quinta-feira (26).

Lavradora foi pisoteada por uma vaca a caminho de casa

“Graças a Deus eu já operei. Foram nove meses de espera que acabaram agora. Estou feliz e confiante de que logo, logo eu possa voltar a caminhar direito”, afirmou a senhora nesta sexta-feira (27) ao receber alta médica.

O especialista explica que o período de recuperação pode durar de seis meses a um ano. “A cirurgia foi um sucesso total. É um procedimento que começa agora, mas não termina aqui no centro cirúrgico. Quem vai regular a velocidade de regeneração do osso novo que vai crescer é a própria paciente”, explicou.

Alongamento ósseo

O alongamento ósseo é procedimento cirúrgico que pode ajudar na correção de irregularidades do crescimento ocorridos na infância ou mesmo defeitos por sequelas de acidentes, ou ainda para efeito estético, indicado em indivíduos de baixa estatura que queiram crescer após o fechamento das placas de crescimento.

Nesta cirurgia o osso é cuidadosa e vagarosamente alongado após ser cortado e novo osso ocupará a zona alongada. Correções de angulações poderão também ser conseguidas pelo mesmo processo.

Unidade de referência

O Hospital de Traumatologia e Ortopedia do Maranhão realizou as primeiras cirurgias de alta complexidade em ortopedia, na manhã do último dia 23 de outubro. Até aquela data, a unidade de saúde já havia realizado 377 atendimentos desde que foi inaugurada.

A unidade dispõe de equipamentos de altíssima tecnologia capazes de realizar procedimentos como alongamento ósseo, implante de próteses articulares, tratamento de doenças muscoesqueléticas. Conta também com uma ala especializada para o atendimento de idosos e crianças, pondo fim à espera de anos na fila para a realização de procedimento ortopédico para este público especificamente.

A estrutura do HTO conta com 44 leitos (10 UTI), três centros cirúrgicos, posto de enfermagem, sala de repouso, salas de curativo, além de alas especializadas para atendimento de crianças e idosos. Com corpo clínico com mais de 45 médicos e equipamentos de alta tecnologia, a unidade oferece atendimento ambulatorial, marcação de consultas, análises clínicas, exames de imagem (raio-x, ultrassonografia, tomografia).