Date: 23 de abril de 2017

Raio cai sobre casa e mata três pessoas em Cachoeira Grande

O enterro das vitimas foi no começo da tarde deste domingo (23)

A Secretaria de Estado e Saúde do Maranhão informou que é estável o quadro de saúde dos sobreviventes do acidente com descarga elétrica natural registrada na tarde de sábado (22) no povoado Riacho Doce, em Cachoeira Grande, na região do Munim.

Um raio caiu sobre a casa e matou uma mulher que estava grávida de três meses, uma criança de seis e outra de oito anos – todos da mesma família. Os mortos foram identificados como Mariete Silva, 28 anos, além dos filhos Valderson e Yago, de oito e seis anos.

O pai das crianças foi identificado apenas como Valdir. Ele e o filho caçula Dayvson, de três anos, ficaram em estado grave e foram transferidos para o hospital Clementino Moura, o Socorrão II em São Luís.

O blog entrou em contato com Mauro Silva Alves, irmão de Mariete, e apurou que o enterro das vítimas foi realizado neste domingo (23) em Cachoeira Grande. “Ele (Valdir) ia receber alta, mas quando ficou sabendo agora da morte da mulher e dos filhos ficou em choque e o médico preferiu manter ele lá. Estão todos muito abalados com essa tragédia” disse.

Vídeo mostra homem em carro de luxo roubando saco de ração

Um comércio do bairro Vinhais divulgou imagens de um homem que teria furtado uma Casa de Rações na manhã deste sábado (22). As imagens foram registradas pela câmera de segurança do estabelecimento mostram o momento em que o suspeito deixa o interior da loja.

Segundo o proprietário, o homem entrou no comércio e comprou dois pacotes de ração de 50 gramas. O funcionário da loja estava sozinho e quando outros clientes entraram, o suspeito aproveitou para furtar dois sacos de 20 kg.

Nas imagens é possível ver que o homem colocando os sacos de ração furtados em um carro de luxo e em seguida indo embora. “No momento de distração na hora que estávamos em outra parte do comércio ele furtou dois sacos grandes de ração. Fiquem atentos”, afirma o proprietário do estabelecimento.

Soldado da Polícia Militar sofre hemorragia cerebral durante jogo de futebol e morre

O PM iria completar 31 anos e estava na corporação há sete anos.

Um soldado da Polícia Militar, lotado na Companhia de Turismo (CPTUR), sofrer uma hemorragia cerebral enquanto jogava uma partida de futebol na quadra do Comando Geral da Polícia, no bairro do Calhau em São Luís.

Durante a partida o policial identificado como Bruno passou mal e foi encaminhado rapidamente para o hospital Djalma Marques, o Socorrão I, mas não resistiu e morreu. O PM iria completar 31 anos e estava na corporação há sete anos.

Segundo o comandante do CPTUR, tenente-coronel Roberto Filho, a necropsia constatou que o soldado foi vitima de um Acidente Vascular Cerebral (AVC). “O médico do Socorrão I chegou a diagnosticar a causa da morte do soldado como infarto fulminante, mas o laudo do médico do legista na necropsia constatou o aneurisma“, afirmou.

O corpo do policial será enterrado no cemitério Parque da Saudade no Vinhais.

Saiba mais

Aneurisma cerebral é a dilatação anormal de uma artéria que irriga o cérebro, geralmente localizado nos pontos em que ela se bifurca (mais frágeis). O aneurisma surge pelo enfraquecimento ou defeito da parede arterial. A pessoa pode nascer com o problema ou adquiri-lo com o passar do tempo, a partir de fatores como hipertensão (não controlada com medicamentos), tabagismo ou traumatismo (golpes ou ferimentos penetrantes na cabeça).

© 2019 Blog do Michel Sousa

Blog desenvolvido por: Bruno AlvesUp ↑